Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kriolus

Kriolus

O que é Breaking?

O BREAKING

 

fABIO GARROTO+ BREAK+KRIOLUS

B-Boying ou B-Girling ou ainda Breaking, estas seriam as denominações correctas para este estilo de dança que surgiu entre 75 e 76 no bairro do Bronx, em Nova York, criada por negros e latinos. 

O termo Break vem da música que os DJ’s tocavam nas Block Partys (festas de rua) que tinham como fonte o Soul, Funk, o Jazz e músicas Latinas. O Break Boy (B.Boy) ou Break Girl (B.Girl) veio do termo Break. Ficaram conhecidos como B.Boy e B.Girl, os garotos e garotas , por dançarem no break da música. Break (B) é o trecho de maior impacto de uma música, ou seja, a batida da música.  
Por isso B. Boy ou B. Girl (dançarinos) são aqueles que dançam no Beat (batida) da Música.  

Existem três fundamentos básicos da dança Breaking:
1. Top Rock (preparação) é como passos de Funk estilizado.  
2. Foot Work (trabalho dos pés) traçando as pernas em volta do corpo continuamente; 
3. Freeze (congelamento) é a finalização da dança do B. Boy ou B. Girl; 

Os Giros, saltos, acrobacias e todos os movimentos de ginástica só foram adicionados depois de 1980. Estes movimentos (power move) não são considerados dança, são apenas movimentos de dificuldade e velocidade que somados à dança tornam o B. Boy mais extraordinário. Thomas Flair e o Windmill (Moinho de Vento), o segundo criado por Crazy Legs, membro do lendário Rock Steady Crew.
 Power Move não é um estilo de dança, é apenas uma denominação para estes novos elementos.

 

Foto: Fabio Garroto B-boing (http://www.facebook.com/fabio.garroto?fref=ts)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.